Jornal da 2CNews

Segunda, 28 de novembro de 2022
MENU

Economia

Novos contratos de aluguel de imóveis variam 9,32% em São Paulo

Dados indicam que, em outubro, variação do aluguel foi de 1,30% em São Paulo, com os imóveis de um quarto variando 1,50%; os de dois quartos, 1,35%; e os de três, 0,65%.

Imagem de capa
A-
A+
Use este espaço apenas para a comunicação de erros nesta postagem
Máximo 600 caracteres.
enviando

Os novos contratos de aluguel de imóveis na capital paulista registraram variação de 9,32% no acumulado dos últimos 12 meses, segundo Pesquisa Mensal de Locação Residencial do Sindicato das Empresas de Compra, Venda e Administração de Imóveis - Secovi-SP.

Para a entidade, esta foi a primeira vez em três anos que o percentual do acumulado nos 12 meses ultrapassou o IGP-M (Índice Geral de Preços – Mercado), que variou 6,52% no mesmo período.

Notícias relacionadas:Aluguel residencial tem alta de 2,2% em maio na capital paulista.Índice usado em contratos de aluguel tem inflação de 0,52% em maio.Os dados mostram que, em outubro de 2022, a variação do valor do aluguel foi de 1,30% na cidade de São Paulo, com os imóveis de um dormitório variando 1,50%; os de dois quartos, 1,35%; e os de três dormitórios, 0,65%.

Fiador

A pesquisa indicou que o fiador foi a garantia em 45% dos contratos de locação firmados em outubro. O depósito de três meses foi a modalidade preferida em 40% dos contratos e o seguro-fiança correspondeu por 15% deles.

O Índice de Velocidade de Locação (IVL), que avalia o número de dias que se espera até que se assine o contrato de aluguel, indicou que o período de ocupação oscilou entre 35 e 84 dias. Casas e sobrados foram alugados mais rapidamente: entre 35 a 58 dias. Os apartamentos tiveram um ritmo mais lento: de 36 a 84 dias.

Fonte/Créditos: Flávia Albuquerque - Repórter da Agência Brasil

Créditos (Imagem de capa): © Marcelo Camargo/Agência Brasil

Crie sua conta e confira as vantagens do Portal

Você pode ler matérias exclusivas, anunciar classificados e muito mais!