Jornal da 2CNews

Sexta, 30 de setembro de 2022
MENU

Cidade

Duas novas pontes para a Saída Norte

Proposta está no plano de governo de Ibaneis Rocha (MDB) e foi comentada pelo candidato à reeleição em entrevista à BandNews FM nesta quinta-feira (8)

Imagem de capa
A-
A+
Use este espaço apenas para a comunicação de erros nesta postagem
Máximo 600 caracteres.
enviando

O governador Ibaneis Rocha (MDB) pretende construir duas novas pontes na Saída Norte caso seja reeleito. A declaração foi dada em entrevista à rádio BandNews FM nesta quinta-feira (8), ocasião em que ele aproveitou para explicar o projeto que consta em seu plano de governo.

Se conduzido a um novo mandato, Ibaneis pretende implantar a nova Saída Norte, ligando o Plano Piloto a Sobradinho e Planaltina, passando pela Península Norte, com a construção de duas novas pontes, uma delas com projeto de Oscar Niemeyer. As estruturas seriam erguidas em parceria público-privada, com o governo cedendo o terreno e as empresas vencedoras da licitação construindo as pontes e as pistas ligando o Lago Norte até Sobradinho. 

“O projeto está pronto e a gente vem discutindo com a sociedade, principalmente com os moradores do Lago Norte, essa questão da ponte. É uma parceria público-privada onde o governo entra com o terreno na região de Taquari e as empresas privadas fazem o serviço, a ponte e a estrada que vai sair até Sobradinho”, detalhou. 

O Plano Diretor de Transporte Urbano do Distrito Federal e Entorno (PDTU) prevê a construção da quarta Ponte do Lago Paranoá (Nova Saída Norte), ligando a L4 Norte até Sobradinho, aumentando a capacidade de mobilidade da região Norte, inclusive a outras cidades como Planaltina, Formosa, Itapoã e Paranoá.  

 “A gente espera num segundo mandato levar essa ponte adiante, vai ser muito benéfica para toda a população porque vai gerar muitos empregos e renda em virtude do novo bairro que vai ser construído, que é o Taquari II”, acrescentou Ibaneis Rocha. 

A previsão é que as obras gerem oito mil empregos por ano e até 20 mil empregos diretos no novo setor habitacional, além de um aumento de arrecadação de IPTU na ordem de R$ 100 milhões, além de R$ 8 bilhões em impostos diretos ao longo do contrato de 25 anos.  

Durante a sabatina, Ibaneis também falou sobre a primeira colocação nas pesquisas mostrando o seu trabalho, sem ataques a adversários e projetos inexequíveis. “O que a gente tem que fazer é seguir na linha, mostrando que a nossa linha é do trabalho, sem agredir e menosprezar adversários. Essa pesquisa é um referendo ao nosso trabalho de governo. Tivemos um período difícil de pandemia, mas não deixamos de trabalhar um dia sequer. Reeleição é um plebiscito, você coloca os seus feitos e tem a oportunidade de a população responder”, afirmou.

Crie sua conta e confira as vantagens do Portal

Você pode ler matérias exclusivas, anunciar classificados e muito mais!